divórcio ou casamento eterno?...

2006-11-17

Padres casados

Bento XVI convocou uma reunião ao mais alto nível sobre este problema e temas associados.
Penso que é importante não meter a cabeça na areia mas enfrentar sem dramatismos problemas que realmente existem e devem ser analisados.

1.Relativamente aos padres que não exercem o seu ministério, normalmente porque casaram, gostaria de recordar dois números.
Segundo o Anuário Católico de Portugal (2006), em 2003 havia em todo o mundo 268 041 pares diocesanos e 137 409 "religiosos", o que dá um total de 405 450 padres.
Segundo estimativas que correm pelos jornais, haverá padres sem poderem exercer cerca de 150 000.
Perante tais números, uma Igreja, onde o analfabetismo religioso é aflitivo, deveria pensar bem: ser legítimo ter tanta gente teológica e pastoralmente qualificada sem poder dar o seu contributo, atendendo a que a exigência do celibato nem é evangélica nem existe sequer nas Igrejas católicas do Oriente.

2. Não creio que o celibato seja a principal causa da falta de vocações sacerdotais. Parece-me que haverá outras razões mais fundas:
- dificuldade em aceitar compromissos para toda a vida;
- falta de vitalidade das comunidades cristãs;
- atmosfera relativista e permissiva da sociedade de hoje;
- "falta de fervor cristão";
- dificuldade em evangelizar um mundo em profunda mudança;
- depois haverá outras mais superficiais como a diminuição do estatuto social do clero; a desistência de alguns padres; a falta de modelos fortes de padre visíveis na sociedade de hoje.

3. Como a Eucaristia é o elemento estruturante da Igreja e de qualquer comunidade cristã, é urgente encontrar uma solução para o presidente da Eucaristia. Continuar a exigir um modelo tridentino de presidente celibatário, com não sei quantos anos de estudos teológicos (absolutamente indispensáveis para uma boa catequese, mas não necessários para presidir à Eucaristia) está visto que não resolve.
Uma solução já pedida por muitos bispos consistiria em ordenar como presidente da Eucaristia líderes das comunidades locais, depois de naturalmente uma preparação mínima e desde que sejam "bons" cristãos. Algo que encaixaria numa expresão ambígua mas muito utilizada: viri probati, "homens que deram provas". Homens e... também mulheres, embora devamos ir de forma faseada de modo a não escandalizar uma Igreja onde a esmagadora maioria ainda tem muito de conservadora e cuja trajectória espiritual e eclesial deve ser respeitada.

26 Comentários:

Anonymous Anónimo disse...

Gostei do post e "roubei-o" para "O melhor dos blogues".
Espero que não leves a mal.

18/11/06 15:32

 
Blogger Zé Dias disse...

Força. O que aqui se escreve é para todos usarem desde que seja para promover a cidadania e a paz entre as pesoas e os povos!
Bem dito!!!!

28/11/06 23:34

 
Anonymous Anónimo disse...

É lamentável que nossos mestres da fé ainda não acordaram para está triste realidade que passa nossa amada igreja.

9/5/07 00:36

 
Anonymous Anónimo disse...

Esse blog é portugues não é? Só podia ser. Vc envergonha a nação que a tantas catequisou! Para de postar comentários que firam a doutrina católica. Se um padre deve ou não casar, quem deve decidor isto é a Santa Sé, meu caro! Redima-se e aceite a autoridade Papal.

In Corde Jesu

Frederico

9/1/08 10:11

 
Anonymous Anónimo disse...

O celibato obrigatório é contraproducente. A Igreja fala do celibato com Dom e Graça de Deus. Se acredita mesmo nisto, por que não promove o celibato livre? Das duas uma: ou a Igreja não acredita naquilo que diz ou não há Dom, pois Ela impõe! Dom é sempre livre, gratuito e não institucional.

17/11/08 03:43

 
Anonymous Fabiana disse...

Acho que padre tem que casar sim, pois só assim acaba um pouco com os comentários de pedofilia.E também padre também é homem, pastor também tem compromisso com DEUS é constitui família, por padre não pode?

20/11/08 19:41

 
Anonymous meni disse...

sei que muitos defendem e outros
não mas será que estamos orando pelos padres, para que possam viver a castidade eo celibato??
Pe Pio foi um exemplo de que o celibato ea castidade são coisas possiveis ao homem mas sem oracão tudo se torna mai difícil!!!!!

22/11/08 16:28

 
Anonymous Anónimo disse...

...é como lí em um comentário anterior, se é dom gratuíto de Deus, não há necessidade de ser imposto. O piór é que há cada Padre lindo...!
Aos 16 anos, conheci um ser maravilhoso, amo este homem até hoje. Uma vez ele me disse: "..se não fosse Padre, seria Padre." Respeitei a vontade dele, embora veja em seus olhos,(eu diria)um amor negado e retraido, que poderia ser vivido livremente e ainda produzir belos frutos.
Meu sonho é que um dia, bem velhinhos estejamos juntos e felizes até que a morte nos separe, onde iremos nos amar na eternidade.

26/11/08 03:45

 
Anonymous Anónimo disse...

Casamento é vocação. Quem tem vocação para padre não aguenta um casamento. Se não fosse verdade os padres casados estariam quietinhos e felizes exercendo uma outra profissão. Acredito que uma mulher, uma família, é muito pouco para os vocacionados. Amei e amo um padre. Fui correspondida, mas por amor me afastei. As coisas maravilhosas que ele realiza é como se fossem realizações minhas. Sei que ele é feliz assim, sendo padre.

21/3/09 18:59

 
Anonymous Anónimo disse...

eu penso que um grande erro da igreja católica´é padre nao poder casar sao homens e devem casar sim como falam tanto de familia sem ter familia só teoria prática nada.Eu amei e amo um padre fui feliz correspondida porque sei que ele me ama mas gosta de ser padre .E por ama-lo prefiro me afastar mas fui feliz e nao me arrependo dos momentos que passamos juntos .

31/5/09 15:19

 
Anonymous Anónimo disse...

que bobera isso padre nao poder casar só porque envolve dinheiro namoro com um padre ja faz um ano iamos até ter filho só nao tivemos porque eu nao quis mas ele quer ele morre de vontade de ser pai e dai?que pecado ha nisso? onde esta escrito na biblia que padre nao pode casar? temos que seguir a biblia nao é? Isso é invençao da igreja católica papas e outros mais...........

31/5/09 16:09

 
Anonymous Anónimo disse...

padre nao casar é uma lei criada pela igreja católica para defender patrimonio nao tem nada haver com pecado pois amar nao é pecado

3/6/09 00:41

 
Anonymous Anónimo disse...

Penso que a igreja só teria a ganhar ordenando padres casados,porque evitaria muitos problemas e além do mais isso não é biblico

13/9/09 01:42

 
Anonymous Anónimo disse...

Gostei das colocações q defende o casamento para padres, existe cada um lindo; q nós as fiés perdemos a concentração na cerimônia. Coração é terreiro desconhecido. Por isso nunca julgue a ninguém. . . Anônimo

3/11/09 20:19

 
Anonymous Anónimo disse...

Sou casada com um Padre...sei que será padre sempre sem exercer o ministério ...claro.Passamos por muitos preconceitos, mas estamos juntos..é o que importa. E o que os outros acham ou pensam? Não me importo..estamos felizes e isso é tudo...

5/11/09 14:55

 
Blogger Prof. França Pinheiro disse...

O celibato e de fundamental importancia para a vida espiriutual do sacerdote Há um paradoxo entre celibato e vida conjugal.

20/11/09 13:31

 
Anonymous graci. disse...

meu namorado é seminarista. padre tambem tem direito de amar! padre também é homem! te amo André <3

13/12/09 01:17

 
Anonymous Gisey disse...

Concordo com a graci acima, padre também é homem sim,temos que acabar com essa ideia de q padre é "anjo".Não é não,viu gente, é homem como todos os homens!Eles nem são castrados (rsrs), são só celibatários, então continuam homens,pô!
Ajuda nós aí,já falta homem no mundo, falta homem que vale a pena,e ainda colocam uns homens lindooooss para ser padre!Aí fica difícil! A Igreja não pensa nas suas fiéis!!!aiai,como disse uma amiga minha:esse é um motivo para eu ir na missa todos os dias kkkkk!

27/3/10 02:58

 
Anonymous Anónimo disse...

Sou jornalista e estou à procura de relatos de mulheres que tiveram ou têm uma relação com um padre. será um trabalho sobre celibato. Não precisam de se identificar e garanto sigilo absoluto. Alguém me pode ajudar? Obrigada.

31/5/10 16:34

 
Anonymous Anónimo disse...

Sou jornalista e estou à procura de relatos de mulheres que tiveram ou têm uma relação com um padre. será um trabalho sobre celibato. Não precisam de se identificar e garanto sigilo absoluto. Alguém me pode ajudar? Obrigada.

31/5/10 16:34

 
Anonymous Anónimo disse...

O meu email é: jornalista.ramos@gmail.com

Obrigada.

31/5/10 16:40

 
Anonymous Anónimo disse...

bom bao tarde gostei da mensagem passada pela igleja ,mais sabemos q o unico senhor e o sr jesus cristo entam não e vontade dele q o homem viva so e muito menos vontade de DEUS PQ se fose não estava escrito `não e bom q o homem viva so`´ e tambem criou DEUS o homem e em seguida uma axiliadora da costela de adão. a verdade e que a igleja catolica tem dado ouvido a uma simpres opinião de um dicipulo de jesus q no caso era { saulo} paulo q disse que ele prefiria e orientava quem era vigem servi ao sr como virgem eo homem a mesma coisa :mais ele disse tambem q se fosse para o homem viver se abrasando e melhor q se case para servi ao sr fielmente : bom podemos ver duas pessoas falando sobre a vida sentimental do homem e da mulher de deus , podemos notar q a igleja catolica prefere sempre ir pela palavra do homem do q a de DEUS !"!!!! se os padres pacam e pq falta uma parde deles e que a mulher q DEUS criou e deus de presente para o homem ser feliz e realizado e ter o que passar para o povo com qual cara o padre vai pregar sobre benção sentimental se ele vive sozinho a promeça de uma vida abençOADA Q VEM DE DEUS não servi para o padre??? sim servi sim !!!!!!!!!!!!! que dDEUS ABEÇOE A TODOS

7/6/10 16:36

 
Anonymous Anónimo disse...

AMEI E AMO UM PADRE FUI FELIZ SE TIVESSE QUE FAZER FARIA TUDO DE NOVO TENHO CERTEZA Q NAO VEVI EM PECADO AMOR NÃO É PECADO EU FUI CORRESPONDIDA OBRIGADA PELA COMPREENSSÃO

4/10/10 23:25

 
Anonymous fernando lemos disse...

hoje creio ser muito importante se pensar em se permitir que não só os padres se casem, mais em se ordenar os diaconos casados !

23/3/11 14:08

 
Anonymous Anónimo disse...

ACABEI COM UM RELACIONAMENTO COM UM PADRE,POIS DESCOBRI QUE ELE TINHA VÁRIAS MULHERES, DIZIA QUE ME AMAVA MUITO,ALGUÉM MUITO PERTO DELE (PESSOA QUE ELE PARTILHAVA SUA VIDA)FALOU QUE ELE SEMPRE FOI ASSIM INFIEL, DESDE ADOLESCENTE E SEMINARISTA TAMBÉM, MAS DEUS É JUSTO BREVE A CASA CAI E EU JÁ ME LIVREI. ACHO QUE AMEI E AMO A SUA VOCAÇÃO MAIS DO QUE ELE PRÓPRIO E RESPEITAVA MUITO OS SEUS PAROQUIANOS.FORAM MOMENTOS BONS,A MINHA OPINIÃO EM RELAÇÃO AOS PADRES EM CASAR É SIM, SIM, SIM, POQUE SÓ ASSIM DIMINUIRIA AS FOFOCAS, OS SOFRIMENTOS, AS D.S.TS, PORQUE OS PADRES SÃO OS MAIORES TRANSMISORES DE D.S.TS E PRINCIPALMENTE A AIDS. ELES SE ENVOLVEM COM QUALQUER TIPO DE MULHER E FOI POR ISSO QUE TERMINEI COM ELE. CONFIEI E RESPEITEI COMO HOMEM,COMO PADRE E PRINCIPALMENTE COMO AMIGO, PORQUE O QUE NÓS TINHAMOS EM MINHA OPINIÃO NÃO ERA PECADO, NÃO TINHA POR TER EU AMEI E AINDA O AMO MUITO, SEMPRE FUI FIEL, MAS ELE NÃO. SÓ DESEJO QUE ELE SEJE MUITO FELIZ, ISSO É PASSADO E PREFIRO NÃO LEMBRAR.

22/7/11 02:08

 
Anonymous Anónimo disse...

Eu apesar de gostar de um padre concordo com a igreja , pois NINGUEM É OBRIGADO A SER PADRE, e quando ele faz essa escolha já esta sabendo dos votos que terão que ser feitos. E o padre é uma pessoa que não tem moradia fixa e se sustenta com o dizimo , Agora pergunto : Como é que o padre teria uma família com essa vida ???

31/7/12 16:51

 

Enviar um comentário

<< Home